4a

Desabafos de uma crespa

By Nina Santini - 15:50


Fico feliz por estar tão perto do final da transição, é revigorante, sinto mais do que uma simples felicidade, é a liberdade de se sentir finalmente livre de toda química que prendia o meu cabelo.
Longa jornada, tantos altos e baixos, na verdade mais baixos sim, porque as críticas foram tantas:
“ Alisa o cabelo”
“ Faz escova”
“Faz Chapinha”
“ Você fica melhor com o cabelo liso”
A verdade é que me deprimi com tudo isso por um longo tempo, machuca, porém, faz a gente ver que a opinião dos outros não passa apenas de meras palavras, porque a força interior é maior que tudo isso. Só Deus sabe de onde a gente tira tanta força para continuar nesse processo.

Aqui estou eu , já no sétimo mês de transição, as mudanças foram tantas, pela primeira vez tenho a noção do que é um cabelo crespo natural, adoro ver as mudanças que estão ocorrendo, parece que foi tudo muito rápido. Hoje, não ligo para o que os outros falam sobre o meu cabelo, porque a minha idealização de cabelo perfeito está prestes a se concretizar, estou me apaixonando novamente por ele, cada cuidado, cada cacho é uma das grandes concretizações a curto-prazo que me deu gosto.
Digo a muitas meninas para aceitarem o seu cabelo natural, não porque "virou modinha", não, mas sim porque é uma das melhores sensações que alguém pode sentir ! Não ter que preocupar na hora de pintar o cabelo se tem relaxamento ou química de progressiva, não depender de cabeleireiro para ter que ficar com o cabelo lindo, não ter que submeter o seu cabelo a altas temperaturas, apenas ser livre com o seu cabelo natural!
Vamos aguardar pelos resultados, brevemente deverei postar algumas fotos dos grandes resultados, mostrando as diferenças e as várias técnicas e produtinhos que usei durante o período conturbado da transição.

Esse é apenas mais um desabafo,

De uma Crespa

  • Compartilha:

Veja também

0 comentários