Questão de feminismo ou machismo ?

By Nina Santini - 00:50


Nunca entendi se seria machismo quando os pais falarem “ o meu filho vai ser um garanhão, vai pegar essas garotas todas”. Creio que esse conceito é formado desde criança, e isso fica interiorizado em todos independentemente do ensinamento que é passado pra criança.
Mesmo que a criança tenha uma ótima educação, mais tarde, ela começa a formar os seus próprios conceitos,  sendo eles alterados e influenciados por “ fulaninho de tal”, bem , muita coisa interiorizada.
Como mulher, eu tenho o meu ponto de vista, não sou totalmente feminista, nem machista mas tenho uma opinião própria. O direito de voto, mulher trabalhando fora de casa, ganhando o seu próprio dinheiro, lindo isso não é ? dinheiro, hahaha.

Continuando, desde então a mulher se tornou mais independente, e isso obrigou os homens a sair da sua zona de conforto, aprender a lidar com tarefas diárias, porém, aí surge o bendito do machismo e talvez uma espécie preguiça aguda. Nunca fomos obrigadas, isso mesmo, obrigadas a trabalhar fora, cuidar dos filhos (não é tarefa, é um prazer imenso, obrigação!) e ainda ficar até tarde com barriga quente de fogão, isso porque muita gente em tempos aflição temos que nos virar.
Saí de casa a 1 ano, e graças a Deus, aprendi a cozinhar, limpar, me preocupar com as coisas que deveria me preocupar quando estivesse a toa, e bem, resultou, até bem demais , tou amando descobrir novas receitas. Bem, agora sei me virar, quando comecei a trabalhar, não sobrava tempo pra nada, mal comia e por isso eu emagreci muito, as únicas refeições que comia em casa eram reaquecidas ou o meu pai que as preparava.
Homem hoje, com porte físico, desempregado deveria ser mais independente, proativo, sabendo as condições que a mulher trabalha ou cuida dos filhos deveria compreender, e fazer a sua própria comida. A mulher, nem ninguém é escravo de gente desocupada, homem pode fazer as lidas de casa sim! Esquentar a barriga no fogão, sim!  Meu amor, numa relação não é só um ou outro, pra isso, todo mundo era solteiro!
“Em briga de marido e mulher não se enfia a colher”
Eu sei meu bem, mas uma pequena dica pra casais que estão se juntando agora, pra causar menos discussão sobre assuntos desse tipo, por favor, façam divisão de tarefas, tudo fica muito mais ácil desse jeito.
Eu não suporto, essa é a verdade, não consigo ver injustiça na minha frente, e quando falo sobre esse assunto, até babo. Não me sinto no poder de puder intrometer em relações, mas também opino o que acho mal. Eu e o meu Boy Magya , não vivemos juntos, ainda, mas eu já faço da casa dele, a nossa casa, aprendemos a dividir as tarefas de casa, um arruma a casa e outro faz a comida, coisas simples assim, tirando o banheiro que eu não limpo nem amarrada, tenho medo de lacraia – o insecto que eu mais temo nesse mundo, arg!- por isso, prefiro limpar fogão.

Não assumo uma posição feminista, porque eu concordo que a mulher ainda assume um papel muito importante em casa, porém, acho que o homem deveria assumir o papel de  homem de verdade e ajudar a mulher naquilo que ela precisa e ajudar-se a ele próprio, creio que isso seja uma questão de desenvolvimento humano.

  • Compartilha:

Veja também

0 comentários